Travesti é morta a facadas por jovens em Campina Grande

Uma travesti foi morta com mais de 30 facadas em uma rua da região central de Campina Grande (a 121 km de João Pessoa), na Paraíba. O crime ocorreu na madrugada de sexta-feira (15) e foi registrado por câmeras de vigilância da Superintendência de Trânsito da cidade.

Nas imagens, três homens descem de um carro escuro e começam a perseguir a travesti, de 24 anos, que é agredido com chutes e morto a facadas. Em seguida, o carro volta ao local e eles fogem. A polícia identificou quatro suspeitos de participar do crime. Dois deles, um jovem de 17 anos e seu irmão, de 42, estão detidos.

Segundo a delegada Cassandra Duarte Guimarães, responsável pelo caso, o adolescente confessou ter planejado o assassinato. Em depoimento, ele disse que a travesti roubou cerca de R$ 800 dele cinco dias antes. Ele teria agenciado um programa com uma prostituta para o jovem.

Ainda de acordo com a polícia, o jovem disse que planejou a vingança e chamou o irmão, um outro parente e um amigo para ajudá-lo. Ele e o irmão foram detidos quando estavam na casa dos pais. Uma das facas supostamente usadas no crime estava escondida no local, dentro de um saco plástico. A polícia também localizou o carro em que os suspeitos fugiram.

O menor está apreendido em um abrigo provisório. O irmão do adolescente negou participação no assassinato.

Com informações: Folha.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *