Sala Redenção apresenta o ciclo "Cinema e homossexualidades"

Em abril, a Sala Redenção – Cinema Universitário faz um percurso sobre a abordagem da diversidade sexual na telas, com o ciclo “Cinema e homossexualidades”.

A seleção de filmes vai desde grandes bilheterias até obras do circuito independente. Em cinco sessões, haverá debates com um juiz federal e com produtores culturais e professores da UFRGS. A mostra inaugura parceria entre a Sala Redenção – Cinema Universitário e o Coletivo LGBT da Universidade, que reúne servidores (docentes e técnicos) e alunos com o objetivo de fortalecer a relação de respeito e de combate ao preconceito no ambiente universitário.

Com entrada franca e duas sessões diárias, de segunda a sexta, às 16h e às 19h – exceto feriados ou eventos extraordinários – o ciclo vai até o dia 30 de abril, na Sala Redenção – Cinema Universitário (Rua Eng. Luiz Englert, s/n – Campus Central).

Entre os filmes está “Santiago” (foto) – Brasil, 2007, 79min, de João Moreira Salles, que será exibido no dia 9 de abril às 19h e 12 de abril, às 16h. Na ocaisão haverá debate com o professor Paulo Faria, do Departamento de Filosofia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da UFRGS

Este filme é um documentário que mistura fantasia e realidade para contar a história do mordomo Santiago Badariotti Merlo, que dedicou sua vida a servir a aristocracia, apesar de ser viajado, poliglota e dono de uma cultura extraordinária, mesmo vindo de origem humilde. As imagens foram rodadas em 1992, mas permaneceram intocadas por mais de 13 anos. Em 2005, o diretor voltou a elas.

A programação completa pode ser acessada no endereço http://www.difusaocultural.ufrgs.br/

 Mais informações pelo e-mail tania.cardoso@difusaocultural.ufrgs.br ou pelo telefone 3308.3933.

One thought on “Sala Redenção apresenta o ciclo "Cinema e homossexualidades"

  1. Um dos melhores filmes que assisti no festival foi "Garotos de Programa" do diretor Gus Van Sant, o mesmo de Milk – a voz da igualdade.

    Abraço a todos
    Leandro Toral

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *