Pronatec – 1ª etapa atingiu só 50% das inscrições; novas vagas já estão abertas

Em reunião realizada na última sexta-feira, 25 de maio, pela Frente Parlamentar de Combate à Fome e à Miséria da Câmara de Porto Alegre,   foram apresentados os números de inscritos nos cursos gratuitos oferecidos pelo Pronatec, programa federal de qualificação profissional, na Capital. Conforme relatos dos órgãos envolvidos no Programa, foram mais de 3.400 inscritos, destacando-se os cursos de Padeiro/Confeiteiro, Técnico em Nutrição e Cuidador de Idosos.

Foto de Marta Resing. A direita Márcia Bauer

No encontro estavam presentes representantes do Executivo Municipal (Smic e Fasc); Senac e Senai, responsáveis pela execução dos cursos; Governo Estadual, através do Programa RS Mais Igual – Programa da Erradicação da Pobreza Extrema/Pacto pela Educação da Casa Civil; e a Câmara Municipal, através da presidente da Frente Parlamentar de Combate à Fome e à Miséria, vereadora Sofia Cavedon (PT-PoA).

Pronatec oferecerá até o final do ano, o total de seis mil vagas para a Capital. A divulgação mais próxima do público alvo, que são os inscritos noBolsa Família que recebem até R$ 70,00 por membro/mês e no CadÚnico, que identifica o grau de vulnerabilidade da família, foi uma das pautas debatidas no encontro. A utilização de equipes volantes da Fasc na segunda etapa foi assegurada pelo Executivo Municipal.

Conforme Sofia é preciso também recuperar os pré-inscritos na primeira fase e que por algum motivo não realizaram a matrícula. “Será preciso otimizar o SisTec (Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica do MEC) a fim de obter uma maior fluência no cruzamento das informações entre os órgãos envolvidos, o que permitirá recursos, por exemplo, para reconduzir aqueles que deixaram de fazer a matrícula”, destaca a vereadora. Sofia irá contatar o secretário executivo do MEC, Jose Henrique Paim Fernandes, com o objetivo de apresentar as demandas de Porto Alegre na busca de melhorias do Sistema.

A descentralização das inscrições também foi defendida pela coordenadora doPrograma RS Mais Igual, Márcia Bauer, que exemplificou a eficácia da ação com o dia do lançamento do programa RS Mais Renda, no Centro Vida, no bairro Rubem Berta, quando mais de 600 pessoas se inscreveram nos cursos do Pronatec.

No Senac são 2.783 vagas publicadas, com 1.100 pré-matriculados e 1.683 matrículas em aberto. No Senai são 1.427 vagfas oferecidos, com 556 inscritos dos 1.158 pré-inscritos. Senac e Senai também informaram que estão com o cadastro reserva aberto para quem já está inscrito, mas não conseguiu efetuar a matrícula. Também no Sine-PoA (Av. Mauá, 1013) já é possível realizar as inscrições para a segunda etapa. A Prefeitura ainda não iniciou a divulgação desta fase.

Também participaram do encontro representantes da Avesol (Associação do Voluntariado e da Solidariedade); Fórum do Fome Zero e Núcleo da Associação do Condomínio Princesa Isabel e a Aelca (Associacao Evangelica Luterana de Caridade).

Pronatec – Criado no dia 26 de outubro de 2011 com a sanção da Lei nº 12.513/2011 pela Presidenta Dilma Rousseff, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) tem como objetivo principal expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de Educação Profissional e Tecnológica (EPT) para a população.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *