Polônia: Deputado é expulso do partido por fazer piada homofóbica

O Partido Plataforma Cívica expulsou o deputado Robert Wegrzyn por causa de uma piada com homossexuais e por ter criticar o segmento. A frase infeliz do parlamentar foi dita quando o parlamentar estava respondendo questões sobre o casamento homo.

“Podemos esquecer dos gays, eu gostaria de ver as lésbicas.”

Em outro momento, Wegrzy disse que homossexuais não deveriam se mostrar socialmente. “Se alguém quer viver de forma diferente, é problema dele, ele não deveria se mostrar.”

Fonte: Cena G

One thought on “Polônia: Deputado é expulso do partido por fazer piada homofóbica

  1. A Polônia é um dos mais reacionário país europeu em relação aos cidadãos LGBTT, juntamente com a Rússia. O engraçado é que se diz que isto tem origens em suas raízes católicas. Mas a Irlanda também é um país muito católico e nem por isto aqueles cidadãos passam pelas mesmas dificudades e constrangimentos.
    Creio que as razões são mais profundas, e muitas vezes equiparáveis ao tratamento que os gays sofrem na Rússia (onde até há cerca de duas décadas atrás, era considerado crime e punido com o encarceramento e onde constantemente se tenta passar leis que criminalizam a homossexualidade).
    Não diria que tenha a ver com as raízes eslavas, porque outros países como a maioria das ex-repúblicas Iugoslavas, a República Tcheca, a Eslováquia (de onde vem a maioria dos jovens da Bel Ami), a Búlgaria, e os países bálticos têm atitudes muito diferentes daquelas da Polônia e da Rússia. E o mais estranho é que a Polônia conta com legislação anti-discriminatória.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *