Pastor evangélico que era homofóbico agora é

Reprodução.

Um dos pastores mais controversos dos EUA agora está tentando mudar a maneira como os evangélicos tratam gays e lésbicas. Este mês, o pastor Ted Haggard, é capa da Revista Advocate, voltada ao público LGBT.

Em 2006, um escândalo envolveu o pastor Ted Haggard e terminou com seu ministério. Na ocasião, ele era pastor da igreja New Life, que começou humilde e chegou a ter 14 mil membros. Na época, ele se pronunciava abertamente contra o casamento homossexual. Foi então que veio a público a voz de Mike Jones, um garoto de programa de Denver. Ele ouviu Haggard pronunciar-se contra a homossexualidade no rádio. Imediatamente, ele ligou para a emissora e contou que havia passado uma noite com o pastor em um motel e os dois haviam consumido metanfetamina.

O pastor Haggard admitiu ter pedido ao rapaz que lhe comprasse a droga, mas alega ter jogado tudo fora. Afirmou também que não havia transado com Jones e que o jovem tinha feito apenas uma massagem. Depois do escândalo, Haggard começou a fazer terapia.

Cena G.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *