Nos Estados Unidos, professor gay é demitido de escola católica depois de anunciar casamento

Al Fisher e Charlie Robin

Al Fischer, professor de música de uma escola católica de Sain Louis Country, no estado do Missouri, foi demitido depois que funcionários da instituição souberam do seus planos em se casar com seu namorado Charlie Robin, em Nova York.

O professor atuava na escola há 4 anos e sua orientação sexual não era segredo. No entanto, a arquidiocese de Saint Louis considerou o casamento gay uma afronta aos padrões cristãos.

A notícia sobre a união de Al e Robin (foto) chegou aos ouvidos dos responsáveis da escola depois que um representante da arquidiocese ouviu o professor conversando com um colega de trabalho sobre o desejo de se casar.

Al Fischer não comentou o caso à imprensa, apenas enviou um email aos pais de seus alunos, com o objetivo de que o assunto seja discutido de forma saudável em casa.

“A conversa em família sobre a existência ou não de justiça no que aconteceu [comigo] poderia ser uma grande coisa. Não quero que a lição disso para as crianças seja: ‘Mantenha a boca fechada, esconda quem você é ou o que pensa’ caso isso for lhe trazer problemas’”, escreveu o professor.

Fonte: A Capa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *