Cuba celebra jornada anti-homofobia

Mariela Castro, (na foto, ao centro) filha do presidente Raul Castro, de Cuba, que lidera o Centro Nacional de Educação Sexual participa da Jornada Contra a Homofobia para marcar o dia 17 de maio.

“Estamos aqui, cubanos e cubanas, para seguir lutando pela inclusão, para que esta seja a luta por todas e todos”, disse ela.

Entre os esforços do instituto estão as iniciativas para mudança de identidade de transexuais e a união civil entre pessoas do mesmo sexo, bandeiras que têm chocado setores conservadores da ilha. A união civil homossexual ainda não é prevista em lei.

A união entre pessoas do mesmo sexo já foi descriminalizada em Cuba, mas ainda há casos de perseguição da polícia a homossexuais.

Fonte: Reuters

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *