Campus Party divulga concorrentes a prêmio de R$ 15 mil

A Campus Party e a prefeitura divulgam nesta terça-feira, 29, às 10h, em entrevista coletiva, os finalistas do desafio e os respectivos projetos selecionados.

A coletiva será realizada no auditório da Procempa, na avenida Ipiranga, 1200, bairro Azenha, com a participação de secretários municipais e do diretor-geral da Futura Networks, Mario Teza. As mais de 395 pessoas de 13 diferentes países deram respostas criativas para ao desafio: “Como podemos tornar Porto Alegre uma cidade ainda mais inovadora?”. Os participantes tiveram a missão de repensar o espaço urbano brasileiro, mais especificamente o da capital gaúcha.

A Campus Party é o maior acontecimento de tecnologia, entretenimento digital, inovação e cultura digital do mundo. Em Porto Alegre, a ideia é encontrar aplicações, tecnologias e metodologias inovadoras em cinco diferentes áreas – educação, saúde, trabalho e emprego, mobilidade urbana e desenvolvimento tecnológico –, e melhorar a qualidade de vida dos cidadãos. Os projetos foram enviados no dia 23 de novembro, e o melhor em cada uma das cinco categorias receberá um Mac Book. O grande vencedor será o melhor projeto entre os cinco já premiados e receberá R$ 15 mil. Todos os projetos serão apresentados durante o evento do 5º Congresso da Cidade, que será realizado nos dias 9 e 10 de dezembro, no prédio 40 da PUCRS.

Inovação Aberta – Com 15 anos de experiência e realização da Campus Party em países da América Latina e Europa, a Futura Networks conquistou uma base com mais de 140 mil talentos especializados e criativos: os campuseiros. São usuários avançados de Internet com um olhar diferente, tecnológico e multidisciplinar do mundo. É através do Futura Innovation que as organizações têm a possibilidade de contar com essas mais de 140 mil mentes talentosas e criativas para solucionar desafios, de acordo com as suas necessidades, como ocorre neste desafio com a Prefeitura de Porto Alegre. Todos os desafios são publicados no Campus Labs, a plataforma de inovação aberta da Campus Party.

O conceito de inovação aberta, como é conhecido, é literalmente solucionar problemas “fora da caixa”, ou melhor dizendo, fora das empresas, como é a proposta do Futura Innovation: um desafio é lançado para ser solucionado por uma base de milhares de especialistas em tecnologia. A vantagem que as empresas têm em agregar novas ideias e visões é a aceleração do seu processo de inovação interno e do Time do Market, além da redução de tempo, custos e riscos dos processos de inovação.

“A premissa da inovação aberta pode ser uma ferramenta importante na busca de soluções para os problemas da cidade. Um estágio posterior, mais avançado, em que existe uma permeabilidade da organização pública a conhecimentos, habilidades e talentos da comunidade”, explica o prefeito José Fortunati.

Um exemplo prático aconteceu na Colômbia, quando o Ministério de Tecnologia da Informação e Comunicações propôs a criação de aplicativos para melhorar a relação do governo em 12 diferentes setores. O resultado: 281 propostas recebidas, 165 aplicativos viáveis, sendo 37 de alta qualidade, dando uma alta gama de escolhas para o governo colombiano.

“Unimos Talento, Criamos Futuro. Esse é um dos lemas da Futura Networks com a realização da Campus Party. Agora, queremos estender isso não somente para o período da Campus Party, mas em novas esferas e também em outras épocas do ano”, afirma Mário Teza. Para ele, a parceria com a prefeitura já é uma grande demonstração de que Porto Alegre está se tornando uma cidade ainda mais inovadora, pois irá utilizar um modelo emergente de inovação em que a cooperação de talentos externos tem um papel fundamental.

Sobre a Campus Party – Criada na Espanha, em 1997, a Campus Party transformou-se no maior acontecimento de tecnologia, inovação, entretenimento e cultura digital do mundo. Os participantes mudam-se com seus computadores, malas e barracas para dentro de uma arena, onde as máquinas se conectam a uma rede superveloz, e os integrantes convivem em torno de oficinas, palestras, conferências, competições e atividades de lazer. Em 2008, a Futura Networks, organizadora da Campus, deu início a um processo de internacionalização, e o evento ganhou edições no Brasil, Colômbia e México. Em 2011, a Campus Party comemora 15 anos e passa a ser realizada no Equador.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *