Agente de saúde é assassinado, polícia acredita na possibilidade de crime motivado por homofobia

Um agente de saúde do município de Anori (a 195 quilômetros de Manaus) com 16 mil habitantes, foi torturado e após morto com trinta facadas, além de ter um dos olhos arrancados pelos assassinos que o roubaram. Marlon Neves Gomes foi degolado e há indícios de violência sexual. O corpo foi encontrado em uma quadra de esportes da cidade na tarde do sábado, próximo a sua residência e a polícia já prendeu três suspeitos. Apesar do latrocínio, roubo seguido de morte, a polícia trabalha com a hipótese da orientação sexual do morto ter motivado a ação dos criminosos.

Os homens suspeitos de terem cometido a barbárie tiveram que ser protegidos pela polícia pois a população queria linchar os três que mataram Marlonzinho, como era conhecida a vítima, querido por trabalhar em um posto de saúde. O terceiro suspeito foi preso em uma cidade vizinha e por questão de segurança não foi levado a Anori, que conta com um reforço de efetivo vindo para acompanhar o caso. A cidade possui apenas quatro PMs em seu efetivo e recebeu mais seis policiais esta semana. O crime chocou a cidade e gays locais se organizaram para pedir maior atenção contra a violência no município na capital, Manaus.

Segundo o cabeleireiro Jaílson Matias Bezerra, a “Charlete”, da Associação de Gays, Lésbicas e Transgêneros do município, é frequente a homofobia na cidade e o aumento da violência em razão das drogas. Este teria sido o quarto assassinato do ano na cidade. Ele mesmo disse já ter sido agredido por ser homossexual.

Com informações Lado A.

2 thoughts on “Agente de saúde é assassinado, polícia acredita na possibilidade de crime motivado por homofobia

  1. Gostaria de tirar uma dúvida e saber oque aconteceu com a Lei PL122 e oque a comunidade gay está fazendo para fazer com que tenha alguma resposta, pois não ouvi mais falar sobre a LEI e ouvir dizer não sei se é verdade que não foi APROVADA, a Dilma prometeu em um evento que teve GLBT apoiar, gostaria de receber maiores informações! Desde já agradeço pela atenção e aguardo retorno!

  2. Boa-tarde,

    Bem, na verdade caso seja aprovada a PL 122 a Dilma implementará a lei, como já referiu algumas vezes, porém ainda não foi apreciado pelo Congresso.

    Abraço, Equipe SOMOS

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *