Bahia: Teste sorológico para diagnóstico do HTLV é pauta da Comissão de Saúde

Foto por Keila Ramos

O deputado estadual Marcelino Galo (PT) apresentou à Comissão de Saúde e Saneamento da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) um Projeto de Lei (PL) que dispõe sobre a obrigatoriedade da realização de testes sorológicos para o diagnóstico da infecção do vírus linfotrópico para células T humanas (HTLV-I) e seu tratamento pelos hospitais públicos.

“Temos que discutir esse assunto de forma mais aprofundada uma vez que estima-se que existam cerca de 10 a 20 milhões de pessoas infectadas e o índice de prevalência em Salvador é de 1,76% na população geral”, salienta Galo.

O HTLV-I pode causar várias doenças como a leucemia, dermatite infecciosa e a mielopatia, uma forma grave de doença da medula espinhal que leva o paciente à incapacidade física. O vírus HTLV-I é transmitido por transfusão de sangue, por via sexual, pelo uso de agulhas contaminadas e da mãe para o filho, principalmente, pela amamentação.

O deputado informou ainda que cerca de 99% dos portadores do vírus podem não desenvolver os sintomas, o que agrava ainda mais o caso, pois a doença chega de forma silenciosa e atinge, principalmente, os mais pobres. “É essencial o apoio do governo. Quanto mais rápido o diagnóstico maior a possibilidade de tratamento nos hospitais públicos”, avalia.

Fonte: Assessoria do Deputado Estadual Marcelino Galo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *