Estados Unidos: Kentucky teve sua primeira condenação por crime de ódio

Burke Devlin. Divulgação.

Um juiz do Kentucky emitiu a condenação por crime de ódio a um homem que atacou duas mulheres lésbicas na saída de um clube em Kenton County.

Burke Devlin, 31, atacou duas mulheres verbalmente de forma homofóbica quando elas saíam do Clube Yadda em agosto do ano passado (2010). Pessoas que estavam passando tentaram impedir Burke, que puxou uma faca e passou a ameaçá-las. Burke, então, foi condenado por crime de agressão.

Por tratar-se de um crime de ódio Burke poderá perder qualquer possibilidade de liberdade condicional durante o período em que passará na cadeia, 17 anos.

Ironicamente, a mãe de Burke assumiu-se lésbica durante vinte anos e diz que ele não poderia ter qualquer ódio por lésbicas.

Fonte: Kentucky Post

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *