Atletas LGBT criam federação na Rússia e promovem festival

Moscou – Os homossexuais russos anunciaram na última quinta-feira, 15 de setembro, a criação de uma federação de esportistas LGBT, que já conta com cerca de 300 atletas lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais.

“Muitas pessoas em nosso país têm medo de quem faz parte do grupo LGBT, alguns inclusive nos odeiam abertamente. Queremos demonstrar que além de manifestações de ‘orgulho gay’ há outras coisas que podemos fazer, como por exemplo praticar esporte”, afirmou a Federação de Esporte LGBT em comunicado.

Os representantes da Federação disseram que cerca de 300 esportistas de sete regiões russas já ingressaram na entidade, segundo informações da agência de notícias local “Interfax”.

“O objetivo da federação é o de estimular a criação de clubes esportivos e competições no país onde possamos fazer esporte em um clima cômodo para nós”, explicou a nota.

Segundo a organização, na Rússia, existem mais de dez clubes para homossexuais, que praticam futebol, vôlei, basquete, badminton, tênis, patinação no gelo e dança de competição.

O recém criado órgão ajuda os atletas LGBT a participarem de competições internacionais.

“Há poucas semanas, enviamos uma seleção russa com mais de 60 atletas à EuroGames 2011 de Roterdã (competição europeia para esportistas LGBT). Os russos ganharam sete medalhas: um ouro, duas pratas e quatro bronzes”, acrescentou o comunicado.

A Federação realizará do dia 23 ao dia 25 deste mês o primeiro festival para atletas LGBT, em São Petersburgo, na Rússia.

Da redação, com informações da Agência EFE

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *