Vigília em homenagem aos mortos em consequência do HIV, no domingo, 17 de maio

VIGILIA-DOS-MORTOS-655x1024

 

A Vigília é um movimento mundial que iniciou em 1983 para sensibilizar e mobilizar a sociedade sobre a Aids. Fazendo memória dos mortos em conseqüência do HIV, busca suscitar solidariedade com os atingidos pela epidemia e despertar toda a população para a prevenção.

A epidemia da Aids tem 30 anos. Muito caminho feito, muitas conquistas, muitas alegrias, muitos sonhos. Também deixaram feridas,dores e mortos. Por tudo isso se celebra a vigília pelos mortos de Aids, um evento internacional. Aqui no Brasil a Pastoral da Aids da CNBB promove eventos, ações e celebrações para que este dia seja marcado por reflexão e compromisso. Muito ainda precisamos fazer para que ninguém mais se infecte e para que não tenhamos mais mortes.

 

Papel da Igreja Católica 

A Igreja mobilizada pela Pastoral da Aids está envolvida nesta iniciativa, convocando todos os cristãos, comunidades, órgãos governamentais e não-governamentais, Ong, profissionais de saúde, enfim a sociedade civil para a acolhida solidária de quem vive com HIV. 

Com a criação da Pastoral da Aids, a Igreja vem assumindo o compromisso de mobilizar os cristãos e comunidades para acolhida solidária de quem vive com HIV. Inclusive porque entre as vítimas também há cristãos e cristãs da comunidade. 

A Casa Fonte Colombo – Centro de Promoção da Pessoa Soropositiva-HIV, entidade mantida pela Associação Literária São Boaventura, pertencente à Ordem dos Frades Menores Capuchinhos do RS, é uma entidade empenhada na prevenção e acompanhamento de pessoas que vivem com HIV/Aids e é responsável pela organização da Vigília em Porto Alegre/RS. 

Ação:

17/05

Missa na Igreja Nossa Senhora das Dores

Rua Dos Andradas s/n

Porto Alegre /RS

18h30min

Fonte: Casa Fonte Colombo

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *