Na Espanha transexual pode ser eleita para o parlamento

Militante socialista que passou pelas prisões do regime franquista, Carla Antonelli deverá ser a primeira transexual eleita para o parlamento na Espanha, um país na vanguarda das leis à favor da comunidade LGBT. Antonelli é uma das favoritas do Partido socialista espanhol (PSOE) para ocupar uma vaga no parlamento regional de Madrid.

Na Espanha, já existem conselheiros municipais transexuais, mas Carla será a primeira em um parlamento caso seja eleita.

Nascida no regime ditatorial de Franco (1939-75) Antonelli foi como milhares de outras pessoas na ditadura, presa por causa de sua orientação sexual. A candidata ganhou fama, quando em 1980, participou de um documentário feito por um canal espanhol para a televisão. Nele, Antonelli critica a justiça, que na época ainda proibia que trangêneros mudassem de nome nos documentos.

Carla é ativista pelos direitos dos trangêneros desde 1977, e há 14 anos trabalha no PSOE, participando ativamente de todas as campanhas políticas do partido, porém só agora resolveu se candidatar a um cargo.

fonte: G.Online

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *