MP abre inquérito para analisar ofensas homofóbicas a Michael e Governo de Minas pede desculpas

MP-MG espera que possível punição seja definida até 5ª; Michael foi vítima de ofensas homofóbicas.
O Ministério Público de Minas Gerais abrirá investigações para analisar a polêmica em torno das ofensas de torcedores do Sada/Cruzeiro a Michael. O jogador do Vôlei Futuro foi vítima de insultos homofóbicos durante a partida entre as duas equipes, realizada na última sexta-feira em Contagem, pelo primeiro jogo das semifinais da Superliga. Segundo o clube paulista, o Governo do Estado também pediu desculpas oficialmente pelo ocorrido.

“Vamos instaurar um procedimento baseado no Estatuto do Torcedor. Vamos ouvir todas as partes envolvidas., recolher as matérias e vídeos publicados e então decidir o que será feito”, afirmou Rodrigo Filgueira, promotor do MP-MG, em entrevista publicada pelo jornal Lance nesta quinta-feira.

Embora tenha dito não saber ao certo quando será decidida uma eventual punição ao Cruzeiro, Filgueira espera que a situação seja definida até a próxima quinta-feira. O promotor considera que o time mineiro, entre outras possíveis punições, poderia jogar sem a presença de público caso haja a necessidade de uma terceira partida contra o Vôlei Futuro.

“É uma questão importante, de dignidade humana. O jogador externou sua indignação e a gente não apoia essa prática homofóbica. Temos que agir rápido, até para responder à sociedade”, concluiu Filgueira.

Governo de Minas pede desculpas
De acordo com o Vôlei Futuro, o clube ainda recebeu na última quarta-feira um pedido de desculpas do chefe de assessoria da área de articulação, participação e parceria social do Governo do estado de Minas Gerais, Marcelo Garcia.

Michael falou com o representante da assessoria por telefone e também recebeu um email de boas vindas para retornar ao estado. Segundo nota do clube paulista, o jogador ficou “ficou muito feliz com a manifestação do Governo de Minas Gerais e declarou que sua admiração pelo estado continua a mesma”.

Fonte: UOL

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *