Urbanistas alemães transformam bunker nazista em usina sustentável

A torre construída no III Reichpara ser um bunker, um tipo de abrigo

Mais uma prova de que se pode tirar algo bom das tragédias. O bunker de Wilhelmsburg, na cidade alemã de Hamburgo, ficou conhecido durante a Segunda Guerra Mundial quando até 30 mil pessoas se aglomeravam no lugar para se proteger das bombas lançadas pelos Aliados.

A torre, construída durante o Terceiro Reich por Adolf Hitler, é tão resistente que nem sucessivas tentativas de implodi-la deram certo. Abandonado e em ruínas, urbanistas decidiram fazer dela um abrigo para um importante projeto de energia renovável, de acordo com a ‘Der Spiegel’.

A modernização do “bunker da energia” está mais adiantado que muitos estádios sob reforma no Brasil. A reforma deve ser concluída no início de 2013 e a parte central oca abrigará uma usina termoelétrica movida a biomassa. O teto e a parede do lado sul serão cobertos de painéis solares e a usina terá um tanque de armazenamento para bombear água para casas vizinhas.

A iniciativa é da IBA Hamburg, projeto de renovação que busca soluções ambientais para as cidades. Urbanistas e especialistas em energia pretendem mostrar que as cidades podem fazer mais que importar energia renovável de áreas rurais. Segundo eles, as cidades, que consomem 80% dos recursos, estão demorando para repensar a fonte da energia que consomem.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *