Niterói recebe o I Encontro Nacional de Arte e Cultura LGBT

Entre os dias 05 e 08 de junho de 2014, a cidade de Niterói vai sediar o “I Encontro Nacional de Arte e Cultura LGBT”. O encontro terá um ato político, shows e três dias de intensos debates e encaminhamentos. Os eixos que estarão em discussão são: “Memória e construção de identidades”; “Olhares e reflexões sobre culturas LGBT”; “Transversalidade da cultura LGBT”; “Territórios e trajetórias”; “Mídias, redes sociais e comunicação”; e “Expressões, territórios e fazeres culturais e artísticos LGBT”.

O evento, destinado a entidades LGBT, em especial as com maior atuação na área cultural, será realizado no Centro Petrobras de Cinema e é fruto de uma parceria entre o Ministério da Cultura (MinC) e a Prefeitura de Niterói, através da Secretaria Municipal de Cultura, da Fundação de Arte de Niterói (FAN) e da CODIR. A solenidade de abertura contará com a presença da Ministra Martha Suplicy.

Para garantir que o congresso tenha a participação de entidades de todo o Brasil, participantes de cada estado e do Distrito Federal serão selecionados por uma convocatória pública para participar do evento, com estadia, transporte e alimentação custeados.

 O I Encontro Nacional sobre Arte e Cultura LGBT tem como objetivo refletir e debater sobre o tema, no sentido de construir um panorama da cultura LGBT, bem como apontar para um conceito mais bem definido sobre o que é essa cultura, a fim de que o segmento se aproprie mais da área. Além disso, o evento pretende articular iniciativas culturais que promovam um Brasil sem discriminação e sem violência, bem como a ética e a convivência na diversidade cultural; e também articular iniciativas que promovam os Direitos Humanos e a Diversidade Cultural no Brasil e, por fim, subsidiar o desenvolvimento de iniciativas, programas, ações e projetos culturais para o segmento LGBT.

10386781_496516790448845_628375774572138464_n

 O Congresso acontecerá no Centro Petrobras de Cinema e contará com quatro mesas e quatro arenas. As duas primeiras mesas terão uma dinâmica, estilo talk-show, onde haverá um mediador entrevistador e de três a quatro convidados, além de perguntas do público. Na segunda mesa, “Olhares e Reflexões sobre Cultura LGBT”, o Somos – Comunicação, Saúde e Sexualidade estará presente. Além disso, a ONG também é integrante do Comitê Técnico de Cultura LGBT.

A terceira mesa terá a função de elaborar o documento final com as ideias e soluções discutidas durante a plenária. A quarta e última mesa terá a responsabilidade de apresentar o projeto/documento final, que será encaminhado ao MinC. Já as arenas seguem o estilo “desconferências”, onde não haverá hierarquização na organização do espaço e contará com presença de cinco convidados, que vão levantar várias questões sobre a causa LGBT para serem discutidas com a plateia.

Faça sua inscrição em http://goo.gl/mrTJKv

PROGRAMAÇÃO:

05 de junho (Quinta-feira)

16h às 20h – Recepção e credenciamento

16:30 – Visita guiada ao Museu de Arte Contemporânea de Niterói (MAC)

18h às 19h – Mostra de Filmes LGBT 19h às 21h – Jantar

21h às 22h – Show de Abertura com Eddylene Água Suja e banda, DJs e Atividades.

22h – Miss Transsex

06 de junho (Sexta-feira)

10h às 12h – Ato de Abertura oficial (Mesa de abertura)

12h às 14h – Almoço

14h às 16h – Mesa 1: “Memoria e construção de identidades”

16h – Vitrine (atividades culturais antes das Arenas)

16h30 às 19h – Arena 01: “Transversalidade na cultura LGBT – Cultura e Cidadania” (Interfaces com a saúde e educação para a diversidade e religião

16h30 às 19h – Arena 02: “Territórios trajetórias” (Espaços territoriais e de convivência cultural LGBT e a construção da identidade, paradas etc.)

19h às 21h – Jantar (Escola)

21h às 22h30 – Apresentação da cantora Ellen Oleria e bandas regionais (Palco Livre)

07 de junho (Sábado)

10h às 12h – Mesa 2: “Olhares e Reflexões sobre Cultura LGBT”

12h às 14h – Almoço

14h – Vitrine (atividades culturais antes das Arenas)

14:30 às 16h – Arena 03: “Diálogos sobre Mídias, Redes Sociais e Comunicação” (Visibilidade, expressões e militância)

14:30 às 16h – Arena 04: “Diálogos sobre expressões, territórios e fazeres culturais e artísticos LGBT” (Espaços de trabalho e produção cultural)

16h às 18h – Mesa 03: Encaminhamentos. (momento de encaminhamento das propostas e questões levantadas, leitura de possíveis moções, cartas e/ou outros)

18h às 19h – Mesa 4: Encerramento

19h às 21h – Jantar

21h às 22h30 – DJ + Escola de Samba Unidos do Viradouro + Palco Livre

08 de junho (Domingo)

15h – X Parada do Orgulho LGBT de Niterói

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *