Projeto BOA SORTE – 13 e 14 de abril

30623830_1994298500897491_3857951594788159488_n
O evento que se refere ao Projeto Boa Sorte ocorrerá dias 13 e 14 de Abril no Centro Cultural da Sta Casa de Porto Alegre e contará com diversas atrações para ampliar os diálogos sobre prevenção, dentre elas um espetáculo musical, conversas com o Gabriel Estrela após o espetáculo, além de ter stands para instituições.

Musical Boa Sorte:
Centro Histórico-Cultural Santa Casa – Av. Independência, 75
Apresentações as 15h e as 20h, dias 13 e 14 de abril.

Ingressos:
R$ 30,00 – à venda na bilheteria do teatro duas horas antes do espetáculo
50% de desconto para:
Estudantes (Com Carteira de Identificação Estudantil)
Pessoas com deficiência, inclusive seu acompanhante quando necessário.
Idosos e Terceira Idade (Cartão de Aposentado ou RG para maiores de 60 anos)
Jovens com idade de 15 a 29 anos de baixa renda inscritos no Cadastro Único Para Programas Sociais do Governo Federal (Mediante a apresentação da Identidade Jovem, acompanhada de documento de identificação com foto expedido por órgão público e válido em todo o território nacional)

Debates: sexta e sábado às 13h30, na Sala Anexa – Entrada franca
13 DE ABRIL – SEXTA – A descoberta da sorologia e como viver com HIV/AIDS – 13h30 às 15h

RONALDO HALLAL – Consultor do programa municipal, estadual e nacional de DST AIDS. Hoje faz parte do serviço de infectologia da Santa Casa, atende no ambulatório de DST/AIDS em Viamão e é mestrando em ciências médicas na UFRGS.

BIA PACHECO – Ativista independente, atuando com foco nas áreas de prevenção às infecções sexualmente transmissíveis, sexualidade em geral e cidadania positiva para o HIV.

LETICIA IKEDA – Professora da Unisinos e Médica Referência no tratamento e acompanhamento de pessoas com HIV/AIDS no Estado do Rio Grande do Sul.

GERSON WINKlER – Foi Assessor da Coordenação Geral de Politicas Publicas da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre, Prefeitura Municipal de Porto Alegre até novembro de 2016. Coordenou a Área Técnicas da SMS e em especial a de IST AIDS e Hepatites Virais da SMS entre os anos de 2011 a maio de 2016. Membro fundador do Comitê de Mortalidade por AIDS de Porto Alegre entre 2011 e 2016. Atuou em organizações da sociedade civil na área de Direitos Humanos, sobretudo diretos de pessoas vivendo com HIV e Aids. Fundou e presidiu o Grupo de Apoio à Prevenção da Aids do Rio Grande do Sul (1989-1993).

14 DE ABRIL – SÁBADO – Como se organizam as entidades que lutam contra HIV/AIDS – 13h30 às 15h

CARLA ALMEIDA – Presidente do GAPA – ONG com 28 anos é uma das entidades pioneiras na luta contra o HIV/Aids, o Grupo de Apoio à Prevenção da Aids do Rio Grande do Sul (GAPA/RS)

SOMOS – Claudia Penalvo – Pedagoga pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos e mestra em EDUCAÇÂO (PPGEdu) pela Universidade Federal do Rio Grande. Tem experiência na área de Educação com ênfase em sexualidades, juventudes, educação em saúde, LGBT e prevenção de HIV/aids. O SOMOS – Comunicação, Saúde e Sexualidade é um grupo situado em Porto Alegre (RS) que realiza ações transdisciplinares, tendo como base os direitos humanos, com ênfase em direitos sexuais e direitos reprodutivos, a partir da articulação das áreas de educação, saúde, comunicação e arte. A sua missão é trabalhar por uma sociedade plural e democrática por meio da afirmação de direitos. A trajetória do SOMOS iniciou-se em 10 de dezembro de 2001, quando ele foi fundado por militantes advindos/as das áreas de luta contra a aids e do movimento LGBT. A proposta era desenvolver ações sociais com abordagens inovadoras direcionadas à comunicação e à saúde.

NUANCES – O Nuances é uma ONG de livre expressão sexual que realiza, desde 1991, diversas atividades culturais e manifestações, além de auxiliar na promoção e prevenção de saúde da comunidade LGBT.

GERSON WINKlER – Foi Assessor da Coordenação Geral de Politicas Publicas da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre, Prefeitura Municipal de Porto Alegre até novembro de 2016. Coordenou a Área Técnicas da SMS e em especial a de IST AIDS e Hepatites Virais da SMS entre os anos de 2011 a maio de 2016. Membro fundador do Comitê de Mortalidade por AIDS de Porto Alegre entre 2011 e 2016. Atuou em organizações da sociedade civil na área de Direitos Humanos, sobretudo diretos de pessoas vivendo com HIV e Aids. Fundou e presidiu o Grupo de Apoio à Prevenção da Aids do Rio Grande do Sul (1989-1993).

 

Testagem Rápida para HIV – SMS (SALA DE AÇÃO EDUCATIVA) – Sala Anexa

13 DE ABRIL – DAS 16h as 20h -Horário passível de alterações, conforme a disponibilidade da Secretaria Municipal da Saúde.

Posto de saúde para testagem de HIV com acompanhamento de profissionais especializados e capacitados, além de apoio e acolhimento.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *